Sábado, 13 de Outubro de 2007


Para ti que andas ao acaso pela rua
     e procuras ver nos outros
     a alegria que nunca pudeste ter;
para ti que choras e te fechas no teu quarto,
     quando julgas terminado
      o que ainda nem sequer já começou;


Vai esta canção de coragem e de amor,
     de esperança pelo dia de amanhã;
também já senti, como tu, a solidão,
     fui na sorte e na tristeza teu irmão.

Amanhã, amanhã
   outro dia nascerá dentro de ti.
Amanhã, amanhã,
  acredita, finalmente sorrirás.

Para ti que vives e já estavas desiludido,
e que hoje aqui te encontras
em busca de paz, amor, felicidade;
para ti que vieste à procura de um ideal,
e com tuas próprias mãos
te pertence um futuro universal.

Vai esta canção de coragem e de amor...


Música: desconhecido
Letra: desconhecido

 



publicado por Sou às 11:46
mais sobre mim
Outubro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12

14
15
17

23
25
27

28
29
30
31


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO